Blog Estudos e Sucesso

Esta página é voltada para a discussão de questões referentes ao Direito Administrativo, principalmente, por meio de questões comentadas cobradas em concursos públicos

sábado, 2 de abril de 2011

Depoimento do Aprovado: Procurador da República Edilson Vitorelli


Nome: Edilson Vitorelli Diniz Lima
Idade: 29
Cargo: Procurador da República
Estado Civil: solteiro, sem filhos, moro sozinho
Cidade onde mora/lotação: Governador Valadares-MG
Cidade de origem: São João Del Rei – MG, onde nasci; Belo Horizonte, onde me graduei
Data de aprovação no cargo atual: 10/2008
Data da Posse: 3/12/2008
Cargos ocupados anteriormente: Procurador do Estado de Minas Gerais, tendo exercido as funções de Chefe da Assessoria Jurídica da Secretaria de Defesa Social; Procurador-Geral da Companhia de Saneamento de Minas Gerais; Chefe da Assessoria Técnico-Legislativa do Governador;  Juiz Federal no TRF-4.
Formação: Direito
Data da conclusão da graduação:12/2004
Concursos aprovados: Procurador da República (5º lugar); Procurador do Estado de Minas Gerais (1º lugar); Juiz Federal (6º lugar); Analista de Direito Comercial da JUCEMG(3º lugar); Advogado da MGI (empresa pública estadual, 2º lugar); Advogado do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (enquanto cursava o 8º período do curso de Direito).
Quando começou a se preparar para o concurso atual: agosto de 2007
Como estudou:
montou planejamento? Mais ou menos
- fez cursinho? Sim, 1 semestre, por amostragem
- estudou em grupo? Não, embora o tenha feito em concursos anteriores, considerando um método válido;
- estudava em biblioteca? Não
- estudava quantas horas por semana? Quantas meu cargo permitissem, o que não era muito.
O que faria diferente? Difícil dizer depois que o resultado é favorável.
Houve momentos de desânimo? Sim
Chegou a pensar que não passaria? Sempre pensei nisso. Sempre fiz planos para isso. Nunca achei que tivesse “direito” de passar. Sempre fui cauteloso em avaliar meus resultados.
Principais dificuldades: Matérias nas quais tinha pouca base da faculdade, como penal e processo penal. Aprender depois de formar é mais doloroso
O que fez para superar as dificuldades? Comecei o estudo pelas matérias que sabia menos, fazendo resumos.
Detalhes sobre a prova: No dia da prova oral, meu primeiro exame – penal – foi muito ruim (viria a ser minha menor nota). Saí desestabilizado. Por sorte, o segundo examinador demorou quase 50 minutos para chamar. Me recompus e pensei. Já que estou aqui, vou fazer o melhor que posso.
Sobre o contexto de aprovação:
- como soube? um amigo telefonou
- onde estava? em meu quarto. Era cedo…
- o que sentiu no momento em que recebeu a notícia? É difícil descrever
- como foi a comemoração? Viagem
Conselho aos candidatos:
- faça uma boa faculdade;
- revise seu método de fixação;
- em verdade, para ambos os casos, são muitas as coisas que diria, mas elegeria essas como as principais;
- outras sugestões estão disponíveis no meu blog (clique aqui www.edilsonvitorelli.blogspot.com)

Nenhum comentário: